MAGIA PROJECIONAL

 

Você já deve ter lido este termo em nosso site e talvez nunca encontrou boas explicações sobre o que se trata. Esperamos que este conteúdo possa esclarecer este tipo de atividade que todos nós fazemos quando dormimos, alguns conscientes, outros não. Então, vamos lá?

 

Magia Projecional é um tipo de manipulação de energia feita por meio do desdobramento, projeção de consciência, viagem astral. os termos são variados, mas a prática é a mesma. A técnica usada há milhares de anos, consta na Bíblia, com os trechos sobre o Rei Salomão, conforme: "Antes que se rompa o fio de prata e se despedace o copo de ouro, e se quebre o cântaro junto à fonte, e se desfaça a roda junto ao poço... e o pó volte à terra, como o era, e o espírito volte a Deus, que o deu". Eclesiastes, 12: 6 e 7.


Quem ler essa passagem belíssima do Eclesiastes, que ora usamos como inspiração, não poderá alimentar dúvidas de que o filho de Davi tinha pleno conhecimento dos segredos que só os iniciados portavam. No entanto, o tempo obliterou muitos dos seus escritos no sentido da alta iniciação, tanto dele como de muitos escritores do passado, um dos quais a gratidão não nos deixa esquecer, por ter deixado no mundo as marcas de sua grande iniciação espiritual e cujo nome pronunciamos com reverência: Apolônio de Tiana.


Salomão tinha plena consciência de que a vida continua depois do túmulo e ainda descreve os corpos, ou alguns deles, de maneira extraordinária. Sabia que quando se dava a morte, partia-se algo entre os dois corpos, que a Doutrina dos Espíritos classificou como sendo o cordão fluídico e que ele, sabiamente, chamou de fio de prata. De fato, esse nome é certíssimo, e os ocultistas, antigos e modernos, também o chamam assim. Ele, na verdade, se parece com fios de prata, brilhantes, ligando as cabeças, do físico e do duplo. Salomão era um rei iniciado.

 

Esse fio de prata é o que mantém o corpo astral preso ao corpo físico durante a saída do corpo. Estando o Iniciado fora do corpo físico, ele pode agir no plano astral e portanto, magiar outra pessoa. Por este motivo, nós pedimos a fotografia das pessoas, pois é uma forma certeira de não cometer equívocos ao se produzir uma amarração de energias no plano astral. O mago plasma este desejo no astral e com o apoio do anjo Anael, mantém este laço por 21 dias para que a união seja permanente depois disso.

 

É importante explicar que qualquer pessoa pode fazer projeção astral, agora para manipular energias e consciências é preciso preparo. Quem solicita nosso ritual de Amarração para o Amor ganha um curso em MP3 de projeção astral.

 

Segue um guia rápido para quem deseja estudar o assunto:

 

Projeção Astral:
É o ato de sair do corpo físico. Fenômeno conhecido também como Viagem Astral, EFC – Experiência Fora do Corpo, Desdobramento Espiritual e muitos outros.


Perigos na Projeção Astral?
Não há perigo algum, pois todas as noites e dias os encarnados deixam os corpos físicos em repouso e saem em atividades diversas no astral. Diante de algo assustador, basta pensar em seu corpo físico, que instantaneamente você voltará para ele.
 

O que é o plano Astral?
É o mesmo que plano Espiritual, ou seja, o plano que não é físico.
 

O que são Amparadores?
Pode ser definido como espírito protetor, amigo espiritual, anjo da guarda, etc.
 

O que é Umbral?
É a região próxima ao físico e que por vezes interage, com o plano físico.

O que são umbralinos?
De modo geral são os espíritos, ou pessoas desencarnadas, que por ainda não possuírem entendimento ficam perambulando no plano físico, ou no Umbral.
 

O que são obsessores?
São os espíritos ou pessoas desencarnadas que fazem assédio sobre os encarnados tentado influenciá-los ou dominá-los através de um ato obsessivo.
 

O que são vampirizadores?
São os espíritos ou pessoas desencarnadas que ainda atrelados a vícios diversos, procuram satisfazê-los vampirizando, sugando, extraindo a energia dos encarnados.
 

O que é o cordão vital, cordão de prata ou cordão prateado?
Pode ser definido como os liames energéticos que ligam o corpo físico ao corpo astral que ao afastar-se forma uma espécie de feixe ou cordão.
 

Meu cordão pode se romper?
Não, ele não se rompe jamais, enquanto houver vida física.
 

Posso enxergar meu cordão prateado?
Sim, podemos enxergá-lo.
 

Ao sair do meu corpo físico, posso ficar preso em algum lugar e não conseguir voltar?
Não. Se isto acontecer, é por pouco tempo e trata-se de mero condicionamento mental.
 

Ao sair do meu corpo físico, posso ser atacado por desencarnados?
Geralmente não. Basta manter uma boa sintonia que isto não ocorre. E se ocorrer, basta pensar no seu corpo físico, que você volta instantaneamente. No máximo você vai levar um susto, pois eles não podem lhe fazer nenhum mal, a não ser assustá-lo.
 

O que é Padrão Vibratório?
É constituído pelos seus pensamentos, sentimentos, atos, palavras e sintonias.
 

Por que ao sair do meu corpo, dentro de minha casa, enxergo coisas e objetos que não existem no físico?
Geralmente são criações mentais, lembranças ou percepções de coisas, objetos de lugares distantes ou próximos, e que interferem no seu campo visual.
 

Por que ao sair do meu corpo físico à noite, eu enxergo tudo claro como se fosse de dia?
Porque nosso corpo astral não depende da luz do Sol para enxergar. Tenho por hábito dormir com o meu quarto totalmente no escuro; porém, quando saio do meu corpo físico, enxergo tudo de forma muito nítida. As vezes parece que é uma “luz” um pouquinho amarelada, como se fosse um entardecer.
 

Por que eu enxergo no astral, pessoas ou familiares, que, naquele momento, eu sei que estão acordadas no físico?
Já tive algumas experiências no astral, onde percebia que eu conhecia a todos que encontrava, como se eu conhecesse todo mundo. Portanto, muitas vezes estamos ao lado de uma pessoa com a qual temos grande intimidade, porém, não a conhecemos no físico… Devido a isto nossa mente cria, às vezes, a imagem de uma pessoa conhecida.


Que aparência temos no plano astral?
As pessoas geralmente possuem a mesma aparência que do físico, porém, podem mudar sua aparência com certa facilidade, bastando apenas plasmarem sua aparência. Alguns se apresentam mais jovens ou com aspecto diferente. Alguns umbralinos para assustar, adotam a aparência de monstros, morcegos, alienígenas, etc.
 

Quando estamos projetados, nós andamos ou voamos?
É perfeitamente normal, andar, quando se está projetado. Geralmente nós andamos quando estamos projetados; talvez dependendo do lugar onde estejamos ou do quê estamos fazendo; talvez por condicionamento mental (estamos habituados a andar no físico); talvez por não saber, não se lembrar, ou não poder voar, devido a diversos motivos. Nós voamos, quando há necessidade, quando queremos sair rápido de algum lugar, ou apenas pelo prazer de voar.


Ao sair projetado posso encontrar pessoas ou parentes desencarnados?
Sim, e isto é muito comum. Quando são parentes e eles têm entendimento, se mantêm afastados para não nos assustar, ou por estarem em um plano vibratório mais sutil. Porém, se quiserem eles podem se tornar visíveis para a pessoa projetada. Geralmente não percebemos ou não nos preocupamos se uma pessoa está encarnada ou desencarnada, pois sua aparência é semelhante a do físico.


O que é EV – Estado Vibracional?
É o estado em que a pessoa se encontra quando sua mente física começa a perceber a saída do seu corpo físico. Neste estado os sintomas são diversos. Às vezes percebemos um formigamento pelo nosso corpo. Outras vezes podemos perceber uma vibração intensa, como se estivéssemos dentro de um terremoto.


O que são RUÍDOS INTRACRANIANOS?
São os ruídos, sons e barulhos elevados e intensos que percebemos quando estamos em estados alterados da consciência, geralmente acompanhados do EV – Estado Vibracional.
 

Um outro espírito pode tomar o meu corpo quando eu estiver projetado?
Não, isto não é possível devido às ligações energéticas que você possui com o seu corpo físico (campo energético, campo etéreo, cordão vital ou cordão prateado).


Por que saímos de nosso corpo inconscientes?
Já percebi em algumas ocasiões que há uma espécie de energização ou reenergização ao sairmos de nosso corpo físico. Deve ser uma necessidade de revitalização energética. Por isso, querendo ou não, conscientes ou não, saímos espontaneamente de nosso corpo, todos os dias e noites.


Há limites para nossa locomoção no astral?
Não, nossa consciência é livre e pode manifestar-se em qualquer lugar do universo.


Quais as diferenças básicas entre sonho e projeção?
Sonhos podem ser muitas coisas. Pode ser, por exemplo, devaneios, fantasias, pensamentos da mente física, criações mentais, etc. Há também o que poderia ser definido como “quadro mental” onde amparadores e até mesmo umbralinos, através de processos de indução ou hipnose, criam imagens ou situações, manipulam e controlam o “quadro mental” destes encarnados para propósitos diversos, como o de uma amarração. Estes “quadros mentais” podem ser criados “dentro da mente da pessoa” ou externamente como se fosse uma espécie de “tela” onde aparecem as imagens. Já as projeções, apesar de possuírem, muitos níveis de consciência, lucidez e percepção, é um fenômeno que se aproxima bastante da vivência física; ou seja, eu estou lá, eu me sinto lá, tal qual eu estou aqui e agora no meu corpo físico, vivendo este momento. Entretanto, para pessoas que ainda não conseguiram certa consciência e lucidez, uma vivência no astral, com pouca percepção, poderá lhes parecer na manhã seguinte apenas um sonho lúcido ou muito nítido. Portanto uma projeção, com um bom nível de consciência e lucidez, é uma vivência no astral igual a que estamos tendo no físico, neste momento, e não uma simples rememoração no dia seguinte.


Qual a diferença entre consciência e lucidez, no astral?
A pessoa pode, por exemplo, estar consciente de que está fora de seu corpo físico, porém, ter pouca percepção ou lucidez do ambiente em que está…


Podemos enxergar no astral através de coisas ou objetos que estão no físico?
Sim, nossa visão ou percepção no astral pode atravessar paredes ou objetos que estão no físico, como se eles não existissem…Entretanto, não é sempre que isto ocorre…Pois as vezes o projetor não se lembra ou ainda não sabe como usar este potencial.


Podemos atravessar portas e paredes no astral?
Sim, podemos atravessar madeira, ferro, aço, rochas e quaisquer outras coisas como se não existissem. Entretanto dependendo do condicionamento mental do projetor ou da pessoa desencarnada, ou até mesmo de seu estado mais ou menos denso em relação ao material, que tanto pode ser no físico ou no astral, pode encontrar certa resistência ao tentar atravessá-lo. É relativamente comum no astral, o projetor ou a pessoa desencarnada atravessar uma porta, por exemplo, e nem se dar conta disso ou ter a impressão que a abriu… é algo como se fosse um lapso de tempo ou de percepção, provavelmente devido a nos movimentarmos à velocidade do pensamento.


Será que as pessoas que já se projetaram ou que apenas conhecem a existência do plano astral por leituras e estudos estarão mais lúcidas sobre seu estado e modo de vida na “nova dimensão” quando desencarnadas?
Sem duvida nenhuma. Quando eu me libertar do meu corpo físico (desencarnar) vou “dar cambalhotas no astral” (ter liberdade extrema), pois estarei livre dos meus limitadores. O conhecimento prévio do plano astral facilita em muito as adaptações na nova vida. Exatamente por isso eu procuro transmitir para as pessoas minhas descobertas no astral, pois eu sei que poderão ajudá-las.


O que é plasmar?
Plasmar é o mesmo que criar agregando /juntando os elementos /energias no astral formando coisas e objetos. A pessoa também pode plasmar no astral coisas e objetos sem o perceber, de forma inconsciente, devido seus condicionamentos no físico. Por exemplo, a pessoa projetada vai pegar um objeto físico e tem a impressão de pegá-lo, porém, ela pegou apenas o objeto plasmado instantaneamente, pois geralmente não poderia pegar o objeto físico.