NOVENA DO AMOR

  NOVENA DO AMOR - SANTO EXPEDITO

 

"Meu Santo Expedito das causas justas e urgentes, socorrei-me nesta hora de aflição e desespero. Intercedei por mim junto ao Nosso Senhor Jesus Cristo, vós que sois um santo guerreiro, vós que sois o santo dos aflitos, vós que sois o santo dos desesperados, vós que sois o santo das causas justas e urgentes, protegei-me, ajudai-me, dai-me forças, coragem e serenidade, atendei ao meu pedido".

 

Por ser o Santo Expedito popular no Brasil como o santo das causas urgentes, decidimos disponibilizar sua novena dedicada aos casos amorosos. Se você já optou por simpatia e quer tentar algo mais simples do que uma amarração amorosa, pode realizar a novena durante os 9 dias. Fazendo com fé e confiança, certamente você alcançará êxito. Como em qualquer ritual que se faça, a fé é essencial para que seu pedido se concretize.

 

Abaixo você pode ler dois depoimentos de pessoas que fizeram uso da novena e conseguiram resultado:

 

Érica, de Goiânia, Goiás, Brasil
Meu marido ficou desempregado e não conseguia emprego. Já conhecia Santo Expedito, mas nunca tinha recorrido a ele. Então me apeguei a ele com Orações e a novena e fui atendida, com a Bênção do retorno do meu marido ao mercado de trabalho. Hoje a paz voltou a minha vida. Só tenho a agradecer.

Anônimo, de Vitória, Espírito Santo, Brasil
Saudações, eu não gostaria que publicassem o meu nome verdadeiro. Apenas gostaria de compartilhar a minha graça. Pedi ao nosso Santo Expedito que ele apagasse o conflito que estava dentro do coração do meu ex-namorado e assim a gente voltasse a namorar e sermos muito felizes. Graças a ele, a Jesus, Maria e a minha fé, reatamos o nosso compromisso e de agora em diante tudo será diferente e com mais amor. Obrigada!
 

 

História de Santo Expedito
 
Em 303, o imperador Diocleciano (284-305), dálmata de Split, na atual Croácia, decretou uma perseguição universal a todos os cristãos, cujos número e importância crescentes pareciam-lhe ameaçar o Império. Foram inúmeros os mártires de que a Igreja ainda hoje guarda memória: Santa Inês, São Marcelino, São Marcelo, Santo Eusébio e tantos outros.
 
As legiões romanas incumbiam-se de executar as ordens do imperador em todas as províncias, mesmo nas mais distantes. Alguns oficiais, porém, dando-se conta da iniquidade do ato, recusaram-se a obedecer, o que lhes valeu, por vezes, misturar o seu próprio sangue ao das vítimas e participar, assim, da coroa do martírio.
 
Foi o que aconteceu em Melitene, cidade da Armênia, no dia 19 de abril de 303. O comandante do destacamento militar não pensou duas vezes. Foi pronto e expedito: opôs-se com determinação ao mandato do imperador. A reação da tropa também não tardou: executaram-no sem demora.
 
A rapidez com que tudo aconteceu tornou legendária a saga do oficial, rápido na oposição ao tirano, expedito no martírio. Até hoje a tradição cristã presta homenagem a esse oficial, sob o nome de Expedito, tal foi a presteza com que acolheu no seu coração o dom do Espírito Santo, que o fez protestar sem demora contra a injustiça e, no mesmo momento, dar a vida como testemunho da fé cristã.
 
Santo Expedito é o santo que não pensa duas vezes. Age rápido e rasteiro, no cumprimento da Obra de Deus. Sabemos que tudo o que nos acontece é, de certo modo, vontade de Deus. Nenhum cabelo cai de nossa cabeça sem que Deus não esteja sabendo, querendo ou permitindo. A ação de Deus é sempre graça. Alimenta gratuitamente as avezinhas do céu, como veste as flores do campo. Todos os sofrimentos desta vida, desde a falta de dinheiro, os mais diversos infortúnios, doenças e decepções amorosas, inclusive a morte, serão superados um dia, quando viermos a participar das alegrias dos santos.
 
Mas, enquanto gememos e choramos nesse vale de lágrimas, é legítimo que desejemos a ação imediata e rápida de Deus, livrando-nos dos diversos males. Invocamos a graça de renunciar imediatamente a todas as nossas faltas e receber sem demora, de Deus, por sua intercessão, os dons de que necessitamos.
 
Os dons de Deus têm sempre uma dupla face, pois são dois os grandes mandamentos de sua lei: aproximam-nos de Deus e levam-nos ao amor do próximo. A devoção a Santo Expedito não constitui exceção. Vale, na medida em que nos aproxima de Deus, reconhecendo nossa total dependência de sua sabedoria e do próximo, praticando para com ele a justiça e a misericórdia. Proclamamos, assim, publicamente, nossa atitude de fé e de adoração, divulgando a devoção a Santo Expedito, que não pensou duas vezes quando se tratou de dar testemunho de fé cristã.
 
Por isso os fiéis, além da prática da novena, sentem-se obrigados a divulgar de algum modo a devoção a Santo Expedito. Por isso, após alcançar êxito com a Novena do Amor de Santo Expedito, envie seu testemunho.

 

As Novenas


De onde vem a prática católica das novenas? Entre outras, podemos das duas respostas: uma histórica e outra alegórica.


Historicamente, na Bíblia, no início do livro dos Atos dos Apóstolos, lê-se que, passados quarenta dias de sua morte na Cruz e de sua ressurreição, Jesus subiu aos céus, prometendo aos discípulos que enviaria o Espírito Santo, que lhes foi comunicado no dia de Pentecostes.
 

Entre a ascensão de Jesus ao céu e a descida do Espírito Santo passam-se nove dias. A comunidade cristã ficou reunida em torno de Maria, de algumas mulheres e dos apóstolos. Foi a primeira novena cristã. Hoje, ainda a repetimos todos os anos, orando, de modo especial, pela unidade dos cristãos. É o padrão de todas as outras novenas. A novena é uma série de nove dias seguidos que louvamos a Deus por suas maravilhas, em particular, pelos santos, por cuja intercessão nos são distribuídos tantos dons.
 

Alegoricamente, a novena é antes de tudo um ato de louvor ao Pai, ao Filho e ao Espírito Santo, Deus três vezes Santo. Três é número perfeito. Três vezes três, nove. A novena é louvor perfeito à Trindade. A prática de nove dias de oração, louvor e súplica confirmam de maneira extraordinária nossa fé em Deus que nos ressalva, por intermédio de Jesus, de Maria e dos santos.


O Concílio Vaticano II afirma: “Assim como a comunhão cristã entre os que caminham na terra nos aproxima mais de Cristo, também o convívio com os santos nos une a Cristo, fonte e cabeça de que provêm todas as graças e a própria vida do povo de Deus” (Lúmen Gentil, 50). Nossas Devoções procuram alimentar o convívio com Jesus, Maria e os santos, para nos tornarmos cada dia mais próximos de Cristo, que nos enriquece com os dons do Espírito e com todas as graças de que necessitamos.


Se você deseja realizar a novena a Santo Expedito acompanhe abaixo os dias e clique para fazer as orações e pedidos:

Primeira dia
Segundo dia
Terceiro dia
Quarto dia
Quinto dia
Sexto dia
Sétimo dia
Oitavo dia
Nono dia

 

PARA SOLICITAR UMA AMARRAÇÃO AMOROSA, Clique aqui